Não é nenhuma novidade que grande parte dos brasileiros têm descendência italiana, isso se dá principalmente pela onda de imigração que ocorreu principalmente no período entre 1880 e 1930. O principal destino desses imigrantes foi a Região Sul e Sudeste, por isso a grande concentração de descendentes nesses locais. Os filhos da Itália estão mais presentes em nosso dia a dia do que muitos podem dizer, estima-se que cerca de 15% dos brasileiros – por volta de 30 milhões de pessoas – podem pleitear a cidadania. Para constatar esse fato, basta dar uma olhada nos nomes de ítalo-brasileiros famosos:
  • Itamar Franco;
  • José Serra;
  • Rodrigo Santoro;
  • Reynaldo Gianecchini;
  • Fernanda Montenegro;
  • Maria Fernanda Cândido;
  • Felipe Massa;
  • Dani Calabresa, dentre muitos outros.
Esses são exemplos que estão em nossos livros de história e em nossas televisões – teoricamente um grupo bem pequeno – imagina só aquelas pessoas que não têm esse destaque: o número é imenso.

A PRESSÃO ENFRENTADA PELO CONSULADO

Essa realidade nos faz levantar inúmeros questionamentos a respeito de como os consulados lidam com as demandas dos cidadãos italianos. Não é de hoje que sabemos que ser atendido pelo consulado é algo demorado e, por vezes, é até impossível conseguir uma data só para ir à instituição. Mesmo com a taxa obrigatória de requerimento para reconhecimento de cidadania que custa € 300 – na data da escrita desse artigo é o equivalente a R$ 1.280,00 – a fila da cidadania tem cerca de 112 mil requisições. Isso equivale a pouco menos de meio milhão de pessoas, vez que esses requerimentos normalmente envolvem as 4 pessoas do núcleo familiar. Mas a pressão nos ombros do consulado não para por aí, existem mais de meio milhão de indivíduos residentes no Brasil que já têm a cidadania reconhecida. É muito comum que esses indivíduos encontrem dificuldades para conseguir auxílio consular, seja para obter informações ou mesmo renovar o passaporte italiano. Há ainda, aqueles que buscam a cidadania para passar na frente da fila do aeroporto quando entrando na Europa e também há aqueles que estão à procura de uma mudança de ares, oportunidades de emprego no exterior, dentre outas razões. A verdade é que, nesses últimos anos, o cenário político-econômico que estamos inseridos tem impulsionado os brasileiros a saírem de seu país natal. Certamente a cidadania italiana e as regalias que a mesma traz são de grande vantagem.

CONTROVÉRSIAS NA BUSCA DA CIDADANIA

Toda essa demanda junto aos sites confusos e falta de apoio dos consulados fomentou o aparecimento de diversas empresas conhecidas como Despachantes. Mas não somente aquelas com boas intenções viram essa oportunidade. Para confirmar esse fato, basta olhar para o escândalo que aconteceu ainda esse ano (2018), quando a cidadania italiana de 1188 brasileiros foi simplesmente cancelada devido ao processo de obtenção ilegal. Este seria um esquema de envolvia funcionários italianos e um casal de brasileiros. Eles pagavam propina para que os agentes públicos atestassem que os requerentes brasileiros tinham os requisitos mínimos para pleitear a cidadania. É nesse cenário que é importante contar com empresas que têm nome no mercado, assim você terá certeza que tudo está sendo feito de acordo com o que é definido pela lei italiana. Um bom exemplo disso é a nossa empresa: A Prenota4u! Sediada em Brasília, a Prenota4u é capaz de fornecer uma série de serviços consulares, completamente de acordo com o funcionamento dos mesmos, seguindo todos os passos e garantindo seu atendimento pleno e objetivo! Tem alguma dúvida sobre os serviços consulares? Entre em contato conosco, estaremos mais que felizes em responder suas dúvidas. :D Nossa equipe está esperando o seu e-mail no [email protected]