O Prefeito de Gênova impôs uma norma que surpreendeu a todos: uma regra “anti-Vespa”. Estas que são as motinhas típicas da região, passarão a não ser mais utilizadas. Veja mais abaixo os motivos de tal decisão e pense conosco sobre os possíveis desdobrares dessa norma.

Marco Bucci, esse é o nome do Prefeito de Gênova e que é responsável pela nova norma que proíbe a circulação de motos poluentes no centro da cidade, assim como carros. Dentre esses veículos poluentes, as Vespas foram junto. A medida foi apelidada de “anti-Vespa” por conta da popularidade das motos, e como fazem parte da identidade de Gênova.

A proibição passará a valer a partir de primeiro de Novembro, e valerá para todos os dias úteis da semana.

O QUE MOTIVOU A NORMA ANTI-VESPA?

Chegando em meio à mobilização dos jovens, em defesa do meio ambiente, o prefeito de Gênova implantou a norma por entender o novo fluxo de proteção da natureza e da luta contra o aquecimento global.

Os alvos principais da norma não são as vespas em si, mas qualquer veículo privado que seja movido a gasolina com padrão de emissão Euro 1, assim como carros a diesel Euro 2 e motos e ciclomotores Euro 1.

Calha que as scooters como a Vespa PX, que são os modelos mais comuns e históricos, caem na definição Euro 1, e portanto, não poderão circular na cidade nos horários determinados pela nova norma.

Observação: O padrão europeu de emissões é outra norma que tem vigor na União Europeia. Quanto mais próximo o número de Zero, maior é o grau de emissão de NOx e Carbono.

A ITÁLIA NA PROTEÇÃO DO MEIO AMBIENTE

Marco Bucci não é o único interessado na proteção do meio ambiente. Giuseppe Conte anunciou também que pretende inserir a proteção ao Meio Ambiente nos princípios da Constituição Nacional. O primeiro ministro pretende neutralizar as emissões de CO2 de toda a Itália até o ano de 2050.

Uma meta ousada, mas que enche os olhos de todos os ambientalistas e das pessoas que se preocupam com o futuro de nossa espécie e de nosso planeta.

O que você acha dessa decisão de Bucci? Entendemos que a Vespa seja um símbolo regional, mas a partir do momento que passa a prejudicar o meio ambiente, deveria o símbolo ser refeito? O que você pensa a respeito disso? Fala aqui abaixo nos comentários e deixa a gente aqui da redação Prenota4u ciente do seu ponto!

Conte conosco aqui do escritório sempre que precisar de ajuda diante dos serviços consulares, quer seja a renovação de seu passaporte, atualização de seus dados de AIRE ou de Registro Civil, e assim por diante.

Aguardamos seu e-mail no [email protected]. Até breve! Um grande abraço e até mais :D