DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA FIXAR RESIDÊNCIA NA ITÁLIA

  • 30/01/2019
  • 0
    comentários
  • 2676 visualizações
DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA FIXAR RESIDÊNCIA NA ITÁLIA

#COMPARTILHE ESSE ARTIGO

Fixar residência na Itália é o que motiva muitas pessoas a buscarem o reconhecimento da sua cidadania italiana e posterior emissão do tão esperado passaporte vermelho. Mas não é assim simples, existe toda uma burocracia - assim como para qualquer outro serviço - envolvida nesse processo, são diversos documentos e conhecimento a se conseguir.

Agora que você já está com passagens compradas e festa de despedida marcada que tal começar a pensar na documentação necessária para morar na Itália sem maiores problemas? Não basta passar da imigração, você ainda não está pronto para começar essa nova etapa da sua vida, existem outros documentos que você irá precisar.

Interessado em aprender como lidar com a burocracia italiana? Continue lendo esse texto e descubra como fixar residência na Itália e viver o tão esperado sonho europeu - e tudo em dias com o governo italiano.

OS DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA FIXAR MORADIA NA ITÁLIA

Existem pelo menos 7 documentos essenciais que todo italiano deve ter a fim de regularizar a sua situação de moradia. Falaremos um pouco sobre valores e prazos, assim você terá uma ideia geral do que esperar. Como a busca da moradia na Itália começa bem antes de ser um cidadão italiano, separamos 2 documentos essenciais para quem ainda está na corrida para reconhecer a sua cidadania:
  • PERMESSO DI SOGGIORNO (PERMISSÃO DE PERMANÊNCIA)
O permesso nada mais é que um visto de permanência na Itália, na realidade, esse visto é válido para toda a Zona de Schengen, permitindo que o indivíduo fique mais de 90 dias em território europeu. O visto varia de 3 meses a um ano e demora até 40 dias para conseguir o atendimento consular. Muito válido ressaltar que quem já tem a cidadania italiana reconhecida não precisa do visto! Esse documento é para aqueles que ainda estão enfrentando o processo de reconhecimento diretamente na Itália. O custo do documento começa em € 30 e varia de acordo com sua duração.
  • DICHIARAZIONE DI PRESENZA (DECLARAÇÃO DE PRESENÇA)
Dentro do processo de reconhecimento de cidadania, a Declaração de Presença seria o passo inicial para informar ao governo italiano (em um prazo de até 8 dias da chegada no país ou diretamente na Questura - no Ufficio Imigrazione - onde você tem intenção de residir) a sua chegada no país. Essa declaração (para variar) não tem custo algum e é um passo vital para conseguir desenrolar a sua vida na Itália. Agora vamos aqueles documentos para pessoas que já tem a cidadania italiana e estão no processo de fixar residência na Itália:
  • LIBRETTO DI VACCINAZIONI (CARTEIRA DE VACINAÇÃO)
Assim como no Brasil, em terras italianas cada cidadão também tem a sua carteira de vacinação. Esse documento pode ser solicitado em postos de saúde ou mesmo diretamente no hospital, fica pronto na hora, não tem custo algum e pode ser solicitado em uma situação oportuna como uma campanha de vacinação.
  • TESSARA SANITARIA (TICKET SANITÁRIO)
Esse documento é como se fosse uma carteira do SUS. O ticket sanitário te dá acesso a aos hospitais públicos da Itália e pode ser solicitado diretamente na Azienda Sanitària Locale (ASL), demorando, normalmente, 7 dias para ficar pronto e é completamente gratuito. Muito importante salientar que indivíduos portadores do permesso di soggiorno também podem usufruir dessa regalia.
  • CÓDIGO FISCAL
De conceito similar ao CPF brasileiro, esse documento será a sua ligação com a Receita Federal italiana (Agenzia dell’Entrate). A partir daí essa agência passará a fiscalizar as suas movimentações financeiras. Ele fica pronto na hora e também é gratuito.
  • TITULO DE ELEITOR ITALIANO (TESSERA ELETTORALE)
Exercer o direito de cidadão com o voto é muito importante, mesmo na Itália não sendo obrigatório. O seu título de eleitor pode ser solicitado no Ufficio Elettorale do Comune e é totalmente gratuito; e o melhor, fica pronto na hora.
  • CARTEIRA DE MOTORISTA ITALIANA
Falamos amplamente sobre o procedimento para tirar a carteira de motorista italiana em outro post, caso queira dirigir em solo italiano, recomendamos que dê uma lida nele. Burocracia é algo bastante desestimulante, contudo, não deixe de exercer todos os seus direitos cívicos italianos como votar, ter acesso a saúde e, claro, fixar residência na Itália. O lado positivo disso tudo é que só será necessário emití-los uma vez e você já poderá usufruir de seus direitos.

FICOU ALGUMA DÚVIDA? A PRENOTA4U PODE TE AJUDAR

Aqui na Prenota4u tomamos para nós o trabalho de lidar com boa parte da burocracia na hora de lidar com os Consulados Italianos. Seja na hora de agendar para reconhecer a sua cidadania em solo brasileiro ou mesmo na hora de atualizar os seus dados cadastrais. Está encontrando dificuldades na hora de lidar com a burocracia consular? Entre em contato no [email protected] e saiba como podemos te ajudar! Ficamos no aguardo do seu contato! Um grande abraço e até mais!

#COMPARTILHE ESSE ARTIGO

Solicite um Orçamento

Preencha o formulário abaixo para entrar em contato conosco