O processo de documentação internacional, quer seja para tirar a cidadania italiana, ou mesmo para fixar residência no exterior, pode ser um grande desafio. Pequenos documentos acumulam pendências bem chatas, e um exemplo disso é a carteira de motorista internacional. Saiba nesse texto como tirar sua CNH internacional para dirigir na Itália! Quer seja em viagens de mudança definitiva ou à turismo, muitas vezes desejamos alugar um carro para economizar no transporte de curtas, médias e longas distâncias. É aí que surge uma dúvida gigante: é possível dirigir na Itália com a carteira de motorista brasileira? Bem, de antemão, já te dizemos que é possível sim dirigir na Itália com a carteira de motorista brasileira. Ainda que essa permissividade exista, a situação não é tão simples assim. Não basta apenas sacar a carteira de motorista brasileira e sair dirigindo pelas estradas italianas, já que no Código de Trânsito e Estradas italiano, temos que o estrangeiro de país alheio à União Europeia e não residente na Itália poderá transitar em seu solo desde que portando uma tradução oficial do documento ou uma PID (Permissão Internacional Para Dirigir).

TIRANDO UMA PID PARA DIRIGIR NA ITÁLIA

Sendo emitida pelo Detran, a Permissão Internacional para Dirigir é a tradução literal da CNH brasileira e é válida em todos os países signatários da Convenção de Viena e Trânsito Viário. O ponto chave é que as PIDs possuem tradução para inglês, alemão, árabe, espanhol, chinês, russo e francês. Como não existe tradução ao italiano, é interessante que o documento esteja sempre acompanhado de uma tradução juramentada para o italiano para evitar problemas. Ainda que não tenhamos histórico aqui de pessoas que tenham sido paradas e tenham tido o documento requisitado, é sempre interessante estar protegido contra qualquer forma de constrangimento, né? O valor do documento gira em torno de R$300,00 e depende diretamente do Estado que o emite.

É POSSÍVEL, SENDO BRASILEIRO, TIRAR CNH ITALIANA?

Bem, desde o dia 15/01/2018, o Acordo Brasil-Itália de conversão de carteira de motorista permite a todos os brasileiros residentes na Itália que convertam suas CNHs. Os requisitos para tal são os que seguem abaixo:
  • Serem Carteiras de Habilitação das categorias A e B;
  • Ser residente na Itália há nio máximo 4 anos;
  • Possuir carteira de habilitação brasileira válida;
  • Ter a primeira carteira de habilitação datada de antes da sua residência legal na Itália.
O valor para a conversão é de 200 euros e deve ser requisitado junto à Motorizzazione Civile da cidade onde possui-se residência na Itália. O prazo para que isso seja concluído é de 30 a 90 dias, que também é o período de validade de uma permissão provisória que você recebe do citado órgão. Caso você não tenha CNH brasileira e tenha que tirar a carteira do zero, terá de fazer um curso como no Brasil, com algumas horas de aulas práticas, provas, e pagar pela CNH italiana, que custa entre 500 a 800 euros, a depender da região onde vive.

ATENÇÃO À DOCUMENTAÇÃO EM DIA!

Ainda que seja cidadão italiano, lembre que seus documentos devem estar todos em dias frente ao consulado. E não estamos falando só do seu passaporte, como também do seu Stato Civile e de seu AIRE. Caso esteja planejando uma viagem para a Itália, pelo visto já está no caminho certo, procurando detalhes sobre como tirar as suas documentações. Mas lembre-se de uma das documentações mais importantes desse rol: o seu Passaporte! Para renová-lo, assim como para solicitar outros documentos consulares, fale conosco da Prenota4u e ficaremos imensamente felizes em te ajudar! (: Estamos te esperando no [email protected] :D Até breve!